Findation!

Depois da The Foundation Matrix da Temptalia, o www.findation.com é a mais nova novíssima novidade (han! :P) no mundo da maquiagem: é o mais novo site de recomendação de cor de base.

Se você sabe sua cor na MAC, Urban Decay, Revlon, descubra na Benefit, Revlon, Lancôme…

É um sistema colaborativo, ou seja, é alimentado por quem procura suas bases em um tom parecido nas outras marcas. Você coloca as bases que você usa e, sobre essas cores, o findation monta uma lista de bases que fecham com as cores que informou de 100% a 50%.

Não existe no site (e nem na Wikipedia!!) como o sistema de agregação e de recomentação exatamente funcionam, mas aqui vão minhas apostas: as bases que você informa como parâmetro de entrada contam como 100% de associação. Se eu uso a base A da marca A e outra pessoa usa a base B da marca A e mais X bases idênticas, o sistema deve tirar esse 100% e atribuir outro peso para a base A e B. Além disso, o findation deve ter um cadastro das bases e um pré relacionamento entre elas de acordo com cor. Não sei até onde o sistema é esperto para diferenciar que eu uso MAC com finalização opaca e me recomendar uma Chanel com finalização luminosa.

O site tem algumas recomendações de uso que são muito importantes, dado que somos nós quem fornecemos dados para que a recomendação aconteça:

  • Quanto mais cores você informar primeiramente, melhor funciona o sistema de recomendação;
  • Informe apenas bases que fecham bem com seu cor de pele. Você não compraria esta base de novo? Então, não informe-a;
  • Não tente adivinhar a cor que você usa. Vai e confere no vidro;
  • Se você usa duas cores, uma para o verão e outra para o inverno, informe a base que mais fecha com seu tom de pele durante o ano inteiro;
  • Se você informar apenas bases com cobertura médio-baixa ou os hidratantes com cor, o sistema pode não te dar uma boa recomendação de base de cobertura média-alta.

E, é sempre bom informar, o Coisas de Diva está fazendo uma matriz de bases com as bases nacionais. Vamos colaborar!

Limpando os pincéis – parte 1

Eu fiz um video sobre limpeza de pincéis, mas eu resolvi fazer upgrade no software de edição de vídeo. Aí… Nada mais funcionou. Para não perder a viagem, resolvi quebrar o conteúdo do vídeo em diversos posts para falar sobre limpeza de pincéis.

Pela internets a fora, a gente encontra diversos tutoriais sobre limpeza de pincéis: como limpar, quais produtos usar, qual água usar, quis movimentos fazer. Muita informação é simplesmente jogada, muitas vezes com argumentos fracos e sem pesquisa para embasamento. Eu sempre fui do tipo de pessoa que gosta de entender e não decorar coisas. Por isso, pesquisei e li para tentar desmistificar a limpeza de pincéis. Para essa primeira parte, vou discutir os produtos e a água.

Produtos

Na grande maioria da literatura, lava-se os pincéis com shampoo de bebê, shampoo normal, detergente ou sabonete antibacteriano. Os pelos dos pincéis funcionam como nosso cabelo: a única parte do cabelo que é viva é a que está dentro da nossa cabeça. Usamos diversos cremes para restaurar a proteína do fio para conservá-lo do sol, poluição, etc. Dessa forma, é bastante importante tirar todo do shampoo/sabão do pincel. Além disso, pode-se seguir com uma fase usando um condicionador para deixar o pincel fofinho.

As diferenças entre cada produto são as seguintes:

  • Shampoo de bebê e Shampoo normal: o que faz o shampoo de bebê tão especial para bebês é o fato de não arder o olho. A substância que faz o olho arder é a mesma que faz com que o shampoo crie espuma. Os shampoos de bebê, em geral, possuem um agente formador de espuma (surfactante) mais leve. Por isso ele fazem bem menos, se não, nenhuma espuma, não ardendo o olho do bebê. Além de fazer espuma, o surfactante é o elemento responsável por dissolver a gordura e óleo do cabelo. Como o surfactante aqui é mais leve, ele não retira a sujeira efetivamente. Bebês não são tão sujos, mas nossos pincéis talvez necessitem ser lavados mais de uma vez com o shampoo de bebê. Já o shampoo normal tem um surfactante mais poderoso, por isso ele arde o olho, faz mas espuma e tira melhor a sujeira.
  • Detergente e Sabão antibacteriano: ambos possuem agentes que matam bactérias, normalmente o triclosan e triclocarbono. Tanto o sabonete normal quanto o sabonete antibacteriano matam germes. O sabonete antibacteriano é apenas mais efetivo que o sabonete normal, ou seja, ele elimina mais bactérias através de ressecamento da célula. Por conta desse ressecamento que nossa pele fica um pouco mais sensível ao usá-los. Shampoos que compramos em supermercado não possuem agentes antibacterianos, não é a principal função dos shampoos e essa é a principal diferença entre sabão e shampoo.

Em química,  semelhante dissolve semelhante. A Michelle Phan e a Renata usam óleo para ajudar na limpeza dos pincéis. Eu não consegui encontrar o porquê do óleo ajudar a dissolver os produtos mais cremosos (delineador, base, corretivo, sombra em creme, blush em creme), mas que funciona… Funciona.

Água

Ferver água não filtrada mata apenas as bactérias e os microorganismos e faz a água ficar prórpria para uso, mas não elimina contaminantes perigosos que permanecem na comida. Analogamente, o fato de usar água fervente para limpar seus pincéis não favorece.
Se a água fervente não favorece, a água quente ou morna nem a fria também não favorecerá. Dessa forma, se você lava seus pincéis com a água da torneira, tanto faz se ela é fria ou quente. Escolha a que mais lhe agrada.

Fontes:

http://thebeautybrains.com/2010/06/19/how-is-baby-shampoo-different/

http://thebeautybrains.com/2006/04/22/how-shampoos-work-part-1/

http://thebeautybrains.com/2012/04/12/can-soap-really-kill-germs/

http://www.biomedicinapadrao.com/2012/05/pesquisa-de-estudantes-de-biomedicina.html

http://conversadebeleza.wordpress.com/2010/11/16/lavando-pinceis/

http://www.michellephan.com/post/my-ultimate-diy-brush-cleaner

http://www.mundomax.com.br/blog/tag/sobre-a-agua/