Limpando os pincéis – parte 2

Depois de sabermos a diferença entre os produtos que podemos lavar nossos pincéis e qual água escolher, hora de falar com o que podemos lavá-los, quais os movimentos e como colocá-los na água para não estragá-los.

Materiais para lavar e os movimentos

Podemos lavar os pincéis com uma esponja, um pote/prato ou na própria mão. A Marlena e o Koren usam a esponja. A Michelle Phan usa um prato. A grande maioria dos maquiadores (e nos tutoriais por aí) usam a mão. Eu não gosto de usar a mão porque eu não gosto de ficar com a mão durante muito tempo embaixo d’água que não seja durante o banho. Eu uso um potinho pequeno de plástico estilo cumbuca. O que é necessário é algo que facilite a produção de espuma para a remoção da sujeira do pincel.

Existem as pessoas que advogam que o movimento feito para lavar o pincel seja em círculos, há que diga que deva ser de vai-e-vem. Sinceramente, acho que o formato que o movimento não é importante. O que eu acho que o movimento não deve ser brusco. Ele deve ser forte o suficiente para lavá-lo e não para destruí-lo. Apertar o pincel até as cerdas abrirem inteiras para lavar é errado. Isso pode estragar o pincel porque as cerdas podem não voltar para o lugar. Eu gosto de lavá-los pela lateral com movimentos de vai-e-vem.

Não existe uma ciência aqui. Estamos falando de lavar cabelo que está na ponta de um cabo de madeira. Qual é a diferença de lavar as cerdas de um pincel e de lavar seu cabelo? Pense nisso e lave seus pincéis e não esqueça de retirar todo o sabão.

Como colocar o pincel na água e como secar

Isto é um pincel por dentro.

Pincel em detalhe

As cerdas são coladas e elas somente existem até metade do cabo de metal que une as cerdas ao cabe de madeira. O outro lado se prende ao cabo de metal na madeira também com cola. A água, por ser o solvente universal, quando penetra dentro do cabo de metal dissolve a cola aos poucos fazendo com que as cerdas se soltem. Por isso o cuidado que devemos ter ao lavá-los. Eu gosto de tentar lavar somente as cerdas que estão do lado de fora do cabo de metal. Não gosto de colocá-lo embaixo d’água, mas já vi muito tutorial que os cabos de metal são colocados levemente para debaixo d’água.

Para que a água entre dentro do pincel, há duas “entradas”. Uma delas é a parte do cabo de madeira que fica em contato com o cabo de madeira. Não há muita cola ali e, quando a á entra, é um prato cheio para a destruição do pincel. A outra entrada é quando não colocamos o pincel na posição certa para secar. Os pincéis devem secar na horizontal ou com o cabo de madeira virado para cima de uma maneira que as cerdas não sejam pressionadas para que não haja um refluxo da água e umidade para dentro do pincel. O vídeo da Michelle Phan coloca isso de uma maneira bem interessante.

The Suncream SmokeScreen

Navegando pelos meus feeds de beleza, alguém compartilhou um post contendo este infográfico do Information Is Beautiful que eu achei genial. Uma excelente maneira de diminuir diversas dúvidas sobre o protetor solar. Enviei um email para o pessoal do site perguntando se eu podia traduzir, mas eles não me responderam. Para não ficar assim, tããão chato, comprei o infográfico e traduzi. (Para não deixar de fora, a DayseD me deu uma mãozinha numa parte).