Resenha: Blushes Wet N Wild

A Wet N Wild tem somente quatro cores de blush. Não lembro por que eu somente comprei dois quando estava nos Estados Unidos, mas eu lembro de ficar na frente do mostruário da WNW horas escolhendo o que ia comprar… 🙂

IMG_7600

IMG_7641

Lembrando que os produtos da WNW são produzidos pela Markwins na China. Se você não gosta da forma de trabalho chinesa e prefere não comprar produtos produzidos lá, mantenha-se longe dos produtos da WNW.

O que diz o fabricante? Sweep on this silky-smooth blush that strikes the perfect balance between a blendable transparent sheen and a radiant pop of maximum color. A special blend of treated nylon powders provides long-lasting color. Dermatologist-tested.

Tudo isso quer dizer: Passe esse blush macio e acetinado [1] que acerta o equilíbrio perfeito entre uma luminosidade transparente [2] esfumável [3] e um pop máximo radiante de cor [4]. Uma mistura especial de pó de nylon provê uma cor mais duradoura [5]. Testado dermatológicamente [6].

IMG_7611

Sobre [5], esse blush é um dos que eu tenho que mais dura no rosto depois de um blush da MAC que tenho. Incrível.

Sobre [6], eu tenho uma pele sensível e ele realmente não me deu reações. É tudo o que posso dizer… 🙂

Sobre [1], [3] e [4]: sim, sim e sim. O blush entrega esses três quesitos com louvor. Ele é muito macio, por isso ele esfarela como louco. Você precisa ter bastante cuidado ao passar o pincel no produto para não esfarelar muito. O que eu faço é usar o que está no pincel e, se preciso de mais produto, eu vou pegando o que esfarelou. Apesar disso, o blush é hiper super pigmentado. Aí você junta uma boa pigmentação mais um produto que esfarela e vê que é muito fácil ficar com uma chinelada no rosto com o Berry Shimmer. Mesmo assim, o blush esfuma facilmente e só um pouco do produto basta. As amostras abaixo foram feitas usando o apenas o restante do produto depois de fazer a amostra concentrada mais um pequeno toque no blush com o pincelzinho vagabundo que vem com o produto.

Sobre [2], nhé. O Berry Shimmer possui uns brilhos dourados na embalagem, mas quando você aplica, o brilho meio que some, mas tem alguma luminescência. Já o Heather Silk é bem matte… Ele não te fornece uma luminescência transparente. Ele é um lindo blush rosa, mas ele não entrega isso.

IMG_7681

IMG_7687Eu me recusei a fazer as amostras no rosto porque eu estou explodindo em espinhas. 

Dito isso, o veredito é: eu amo esse blush e gostaria que a WNW fizesse mais cores. Certamente vou procurar os outros dois e comprar!

blush

Resenha: Blush Iluminador Isabela Capeto Para Panvel

IMG_7494

Eu só tinha visto o blush na resenha da Karen Bacchini e, mesmo assim, decidi comprar. A cor parecia uns blushes que eu já tinha. E como eu realmente gosto dessa cor de blush, me joguei. Quando eu abri o bendito, me lembrei direto de tantas resenhas que vi sobre o blush Orgasm da NARS. Dei uma pesquisada e, pelo que li e vi, ele me parece mais claro. E outra, algo que nunca tinha parado pra pensar: que o Berry Shimmer, blush da Wet N Wild, é um grande candidato a similar ao Orgasm. E EU TENHO ESSE BERRY SHIMMER. *_*

Fiz uma montagem muito tosca pra tentar mostrar essas diferenças/semelhanças:

Foto dos blushes da NARS daqui: http://www.allurabeauty.com/2011/review-nars-danmari-all-about-cheeks-palette/
Foto dos blushes da NARS daqui: http://www.allurabeauty.com/2011/review-nars-danmari-all-about-cheeks-palette/

Está na minha lista de compras para as férias uma paletinha muito safadjeenha da NARS. No final do ano, eu trago uma resenha mais shoobeedoobah sobre essas diferenças/semelhanças.

IMG_7497

Eu tenho argumentos de sobra para não gostar desse blush: ele é esfarelento, a duração dele é pífia (não sobreviveu até a hora do almoço!) e eu levo horas pra fazer ele aparecer no meu tom de pele. E eu tive o mesmo problema com a embalagem que a Marina Smith teve, tanto no blush quanto no quarteto de sombras. Mas depois que você consegue aplicar ele direitinho, ele é a coisa mais linda. Os brilhos dourados deles dão uma iluminada única na face. É de morrer só de ficar olhando.

blushes2
Isso foi o melhor que consegui, mas ao vivo, é bem diferente.

Esse blush é a coisa mais difícil de fotografar na minha pele. Como eu sou morena, eu preciso dar uma carregada na aplicação para a cor aparecer e esfumar para que eu não fique com uma chinelada no rosto. Para as fotos, eu apliquei sem critérios para ver se eu conseguia captar a cor correta. Foram necessárias 45 fotos, nas mais diversas luzes que existem no meu apartamento para chegar no resultado apresentado.

blush
Bonitinho, mas ordinário

Resenha: Primer Tonalizante Facial Isabela Capeto Para Panvel

Desde que vi a chamada para o lançamento da coleção Isabela Capeto Para Panvel, eu enlouqueci. Achei a embalagem tão, mas tão linda que decidi que queria a coleção inteira. Vi que a coleção já estava à venda online e fuçei tudo. Ao finalmente ver que ela já estava nas lojas físicas, o preço médio de 20 reais por item (o primer custa R$ 25,90) me desmotivou a compra da coleção toda porque Estados Unidos em outubro.

A Panvel já tem um primer, mas o primer da coleção Isabela Capeto Para Panvel é bem mais caprichado.

IMG_7501O que diz o fabricante? Uma das maiores estilistas brasileiras, Isabela Capeto, reconhecida por sua moda artesanal, romântica e ao mesmo tempo urbana, une-se a Panvel para criar uma charmosa coleção de maquiagem, com o mesmo objetivo de suas produções, fazer com que as mulheres se sintam lindas. O Primer Tonalizante Facial Isabela Capeto para Panvel é um produto diferenciado e multifuncional, pois uniformiza a tonalidade da pele [1], disfarça as imperfeições [2], possui uma textura extremante macia, aveludada [3] e de toque seco [4]. Indicado para todos os tipos de pele [5]. Oil-free [6].

Sobre [1]: uniformiza a minha tonalidade de pele (sou NW30). Eu tenho áreas mais avermelhadas ao redor do nariz e mais despigmentadas ao redor dessa região (que complicado). O primer deu uma boa ajustada nessas cores. As poucas resenhas sobre meninas mais claras usando o produto sentiram uma diferença de cor ao aplicar o primer sobre o rosto.

Sobre [2] e [3]: A textura me lembrou o primer da Marina Smith: bem siliconado. A pele fica realmente macia e aveludada. Passar meu querido corretivo da Bobbi Brown sobre o primer foi um pouco complicadinho por conta da aveludância da pele…! A espalhabilidade dele é excelente. E ele disfarça muito bem as imperfeições!! Fiquei impressionada. Eu tenho poros muito bem presentes ao lado do nariz e eles quase sumiram com uma primeira aplicação. Na segunda aplicação, bem localizada nessa região, os poros simplesmente sumiram. Eu realmente bati palmas para a Panvel após aplicar o primer no meu rosto.

Sobre [4]: minha pele é oleosa. Depois de muita preguiça resistência, comecei a lavar o rosto pela manhã. Não notei uma diferença direta na diminiução da oleosidade ao aplicar, mas o toque seco pós aplicação é uma realidade. O que notei foi que, na foto para o post, ele retira o brilho da pele.

Sobre [5]: indicado para todos os tipos de pele? Sim! Para todas as cores de pele? Eu acho que não. As resenhas do Coisas de Diva e do E Aí, Beleza? reclamaram exatamente da cor do primer: que ficou um pouco manchado na pele. Se você é mais morena como eu e a Marina Smith, acredito que o primer só venha a acrescentar. Se você não tem problema em levar mais um tempo aplicando o primer e esfumando-o bem, você vai se adaptar.

Sobre [6]: não senti nenhuma diferença sobre aumento de oleosidade na pele ao usar o primer.

primer
Super aprovado!

A única coisa que não consta na descrição oficial do produto é a durabilidade. Eu não achei que fez muita diferença quanto a isso, achei que minha maquiagem durou a mesma coisa de sempre. Eu achei também que a base/bb cream ficaram mais bonitos e mais fáceis de aplicar do que com a grande maioria dos primers que já usei, ele é tão bom quanto o POREfessional da Benefit quanto o da Marina Smith. O que eu realmente gostei foi do disfarce dos poros e do preço. 

primer
Todas aplaude!